Servidores da rede municipal de educação de Presidente Olegário fazem manifestação

Categoria reivindica pagamento do reajuste de 33,24% para todos os profissionais da área.

Os servidores da rede municipal de educação realizaram uma manifestação, nesta quarta-feira (6), na Praça Dr. Castilho (frente prefeitura) e caminharam até a Praça Independência onde é realizada a Feira Livre do Produtor Rural. A manifestação foi comunicada a Prefeitura conforme determina a Lei. Clique aqui e leia o aviso do ato e das reivindicações da categoria.

A categoria segue cobrando da Prefeitura de Presidente Olegário o pagamento do piso salarial de 33,24% para todos os profissionais da educação, inclusive para os inativos.

No dia 31 de março, os vereadores aprovaram reajuste de 10,6% para os servidores da Prefeitura, com exceção dos cargos comissionados; secretários municipais, e servidores que tem o piso salarial definido por Lei específica. Já para área da educação o reajuste foi entre 9,33% e 33,24%. Clique aqui e leia o Projeto na íntegra.

O ato teve a participação da presidente do Sindicato Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Sintrasp), Lara Cristina,  vice-presidente Gilberto Moreira e de professores da rede estadual que estão de greve desde março, reivindicando o pagamento do piso pelo Governo de Minas.

Reivindicação da categoria.

A categoria reivindica recomposição salarial para todos os profissionais da área de 33,24%, inclusive para os inativos,  a  adequação da carga horária de todos os professores da educação básica, em especial, os professores que trabalham com crianças de 0 a 3 anos, e os de anos iniciais e finais de acordo com o Plano de cargos e salários da educação municipal Art 38-B (16 hora – aulas semanais destinadas a docência); ajustamento da remuneração das aulas de exigência curricular, incidindo sobre elas as vantagens adquiridas pelo servidor. 

O que diz o Executivo Municipal

O prefeito sargento Rhenys Cambraia disse que a manifestação deve existir pela busca do reajuste salarial. “O Governo Federal aplicou o reajuste de 33,24%, porém não repassou recursos para o pagamento do piso” disse o prefeito. 

Segundo o prefeito a administração está ajustando os gastos com a folha de pagamento que ficará em 52,84% com o reajuste já concedido e que após estes ajustes terá condições de conceder recomposição.  

Ainda segundo o prefeito, o Executivo estará enviando à Câmara Municipal projeto para beneficiar os servidores inativos da área e que as demais reivindicações os responsáveis pela área já estão analisando para os ajustamentos.

Leia mais: 

Professores da rede municipal de ensino de Presidente Olegário cobram pagamento de recomposição salarial de 33,24% para todos os profissionais da área

Vereadores aprovam reajuste para os servidores municipais de Presidente Olegário

Uma resposta

  1. É isso ai…Estamos na luta por nossos direitos!
    E nossa valorização!
    Professores valorizados garantia de um futuro promissor!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também

POHoje - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por KAMP