28 de novembro de 2018 - Por Juarez Martins

Fiscalização apreende mais de uma tonelada de queijo e descarta na Usina de Reciclagem

Os queijos foram descartados na Usina de Presidente Olegário.

Estabelecimento foi interditado.

Um equipe da Fiscalização Preventiva Integrada em Minas Gerais (FPI Minas) apreendeu no Noroeste de Minas mais de uma tonelada de queijos em Brasilândia e João Pinheiro nos últimos dois dias.

Em Riachinho foram apreendidos 850 kg de queijo em uma queijaria. O produto foi adquirido pelo proprietário de produtores e armazenava-o em local e sob condições impróprias.  O estabelecimento foi interditado.

A segunda apreensão de 200 kg de queijo foi na BR-040 no município de João Pinheiro quando a equipe Fiscalização Preventiva Integrada em Minas Gerais (FPI Minas) abordou um veículo e constatou o transporte irregular do material.

Os 1,050 kg de queijos foram apreendidos e descartados na Usina de Compostagem de Lixo em Presidente Olegário .

De acordo com o IMA, o armazenamento e transporte de produtos perecíveis destinados ao consumo humano devem seguir regras que garantam a integridade e a qualidade do produto, a fim de impedir sua contaminação e deterioração. No caso dos queijos frescos, é obrigatória a refrigeração no local de armazenamento e nos veículos de transporte.

Deixe o seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *