É campeão! Cruzeiro da Prata vence o Imperial e conquista seu segundo título no Municipal

Título foi conquistado na cobrança de pênaltis, após empate em 1 a 1 no tempo normal.

O Cruzeiro da Prata é Campeão do Campeonato Municipal “Vicente Cadete” vencendo o Imperial nos pênaltis  por 4 a 2 neste domingo (28) no Castilhão, após empate em 1 a 1 no tempo normal. A equipe leva o nome do povoado de Cruzeiro da Prata, município de Presidente Olegário 

A Divisão de Esportes este ano fez uma homenagem ao Sr. Vicente Luiz Cruzeiro “Vicente Cadete” que faleceu em 12 de julho de 2020. O filho do homenageado, “Zé Antônio”, atuou na competição pela equipe Cadete/US Trankados, sendo eliminada na semifinal. 

Na preliminar teve um amistoso entre a Seleção Feminina de Futebol de Presidente Olegário contra a Seleção de Patos de Minas. Patos de Minas venceu por 4 a 3.

Na partida final, o time do Imperial abriu o placar no primeiro tempo com Guma cobrando penalti. O Cruzeiro da Prata empatou na etapa complementar com Vitinho, placar final 1 a 1. Como manda o regulamento a taça foi decidida na cobrança de pênaltis e deu Cruzeiro da Prata 4 a 2. O goleiro Rosinha do Cruzeiro da Prata pegou duas cobranças de pênalti cobradas pelo Diego e Gean. 

O Cruzeiro da Prata foi campeão com: Rosinha, Tchu-Tchu, Luizão e Evinho; Léo, Derson, Alex, Ézio e Vitinho. No ataque Gustavo Iury e Paulo Sérgio.Técnico Deusmar Corrêa.

Já o Imperial foi Vice-campeão com Carlim, Diegão e Léo; Weller, Gean, Fabrício, Pierry e Guilherme Portilho (Guilherminho). No ataque Alex (Lucas Silva), Guma e Ganso. Técnico “Li”. Apitou a final Pedro dos Reis com assistência Wagner Bernardes e Francisco Geraldo. Mauro Queiroz foi representante. 

É o segundo título do municipal do Cruzeiro da Prata, o primeiro foi em 2017 quando derrotou a Vargem Grande por 4 a 2 em 2017.  Ao todo foram marcados 347 gols em 69 jogos, media de 5,02 por partida. O Imperial teve o melhor ataque balançou as redes 57 vezes e pior Real City marcou 8 gols.A melhor defesa foi da equipe da Lagoa Grande sofreu 13 gols e a pior do Amigos F.C. 38.

O campeonato é realizado pela Prefeitura, através da Divisão de Esportes – diretor “Tomate” – , com apoio da Câmara Municipal que patrocinou os troféus, em todas as partidas o mesário foi Mauro Queiroz. 

As premiações, troféus e medalhas foram entregues pelo prefeito sargento Rhenys Cambraia, o vice-prefeito Júlio Reis participou da cerimônia. A  família do Sr. Vicente Luiz Cruzeiro “Vicente Cadete” – In memoriam – foi homenageada pela Prefeitura.

O Cruzeiro da Prata campeão e o vice Imperial recebeu  troféu, medalha e R$ 2 mil cada (doação de um banco). O goleiro menos vazado foi Daniel Constantino – Lagoa Grande – 13 gols ele recebeu troféu e R$ 150 doados pela Associação de Árbitros, artilheiro foi Guma do Imperial 23 gols recebeu troféu e R$ 150 doados pela Associação de Árbitros. 

A revelação do Municipal foi Vítor José Machado “Vitinho” da Vargem Grande, o jogador destaque é Rosinha do Cruzeiro da Prata e o técnico alegria Charles do Sistema. 

Leia mais:

É campeão invicto! Cruzeiro da Prata vence o Nacional e conquista seu primeiro título municipal 

POHoje - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por KAMP