20 de fevereiro de 2018 - Por Juarez Martins

Após 7 dias de buscas, Bombeiros retiram corpo de sargento em represa

Corpo será sepultado na cidade de Lagoa Grande, onde residem seus familiares.

O sepultamento será nesta terça-feira (20), às 19h.

Sargento "Filho", Foto: Paulo Barbosa/g1

Sargento “Filho”, Foto: Paulo Barbosa/g1

Os Bombeiros fizeram, no início da tarde desta terça-feira (20), o resgate do corpo do sargento Paulo Francisco Pereira, de 42 anos, que morreu afogado em uma represa no município de Paracatu, Noroeste de Minas, no dia 14 de fevereiro.

Foram sete dias de buscas do sargento “Filho” do Corpo de Bombeiros de Paracatu. Os militares tiveram dificuldades para fazer o resgate devido a força da água, o corpo ficou preso na tubulação.

Foi necessário esgotar a represa para o corpo ser resgatado. O corpo do sargento foi  encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Paracatu.

Sargento Paulo Francisco Pereira Filho, 42 anos, é natural de Presidente Olegário e viveu sua infância e adolescência na cidade Lagoa Grande, onde será sepultado nesta terça-feira (20), às 19h, no Cemitério Municipal de Lagoa Grande.

No início foi divulgado que o sargento Filho e o soldado Santana fazia treinamento na represa, mas nesta terça-feira (19), o major Ricardo Marisguia informou que eles faziam um trabalho particular na represa.

Um inquérito será instaurado para verificar a situação como ocorreu o acidente, em quais condições o local se encontrava e se era adequado para o tipo de atividade.

Deixe o seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *