Servidores de presídios entrarão em greve na segunda-feira (26)

Viatura do Sistema Prisional de Presidente Olegário

Servidores técnicos e administrativos de  cerca de 180 unidades prisionais de de Minas Gerais entrarão em grave na segunda-feira (26), por tempo indeterminado.

 A decisão foi tomada em Assembleia do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público do Estado de Minas Gerais (SindPúblicos-MG), ocorrida no dia 21 de fevereiro.

A greve atinge o presídio de Presidente Olegário. Segundo o servidor Marcelo Alves dos Santos, do presídio de Patos de Minas, local que será referência e concentração da greve na região, com a greve diversos serviços ficarão suspensos, já que apenas 30% dos servidores estarão trabalhando.

“A classe entende que o Governo de Minas não está dando a atenção às demandas destes profissionais acordados desde 2015;  e o tempo do debate se esgotou”, destacou o servidor Marcelo Alves Santos.

Ainda segundo Marcelo Alves Santos a categoria de funcionários administrativos, assistentes sociais, psicólogos, enfermeiros, médicos, técnicos jurídicos, dentistas, pedagogos, farmacêuticos reivindicam melhores condições de trabalho, melhorias na carga horária  e equiparação salarial da perca que já é de 21,1%.

Os servidores dos presídios da região vão participara na segunda-feira (26), às 8h, da manhã de uma mobilização em frente do Presídio Sebastião Satiro em Patos de Minas.

O Pohoje ainda não conseguimos contato com representantes do Governo de Minas para falar sobre a greve.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *