Sem chover há 47 dias, região da Prata começa a faltar água

Pipas da Prefeitura já fazem o abastecimento Este ano choveu 29 milímetros a mais que em 2017
Pipa fazendo abastecimento (Foto: Branco Teodoro)

Sem chover há 47 dias, os caminhões-pipas são hoje a principal fonte de água das comunidades rurais em Presidente Olegário. As regiões da Prata são as mais castigadas. A operação é feita pela Prefeitura Municipal que presta assistência aos produtores rurais. São dois caminhões que atende os produtores rurais todos os dias.

De acordo com o secretário de Agricultura, Júlio Reis, o município ainda não decretou estado de emergência o que deve ocorrer nos próximo dias. Os produtores rurais já atingidos pela seca e que precisam de atendimento com caminhão-pipa estão sendo abastecidos.

O caminhão abastece, reservatórios, caixas e tambores nas residências rurais da Cachoeira da Prata e Pontinha. No município de Presidente Olegário não chove desde 8 de junho, quando choveu 2,2 milímetros segundo a Estação de Tratamento da Água – ETA – da Copasa.

Este ano segundo a ETA choveu 604 mm até esta quarta-feira (25), enquanto no mesmo período em 2017, choveu 574,5 mm, ou seja, esse ano choveu 29 mm à mais em Presidente Olegário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também

POHoje - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por KAMP