Racionamento de água em Presidente Olegário está descartado, diz Copasa

Local de captação d´ água no ribeiro Três Barras

A Companhia de Saneamento de Minas Gerais – Copasa – afirmou, nesta sexta-feira (20), que o racionamento de água para a cidade de Presidente Olegário está descartado.

Apesar da estiagem que atinge o município de Presidente Olegário há 125 dias, a Companhia esclarece que, o ribeirão Três Barras e os dois poços utilizados para o abastecimento da cidade apresentam vazão suficiente para garantir o fornecimento de água da população.

A população da cidade de Presidente Olegário consome diariamente cerca de dois milhões de litros d’ água. Para abastecer a cidade são captados 25 litros de água por segundo no ribeirão, de acordo com a outorga do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam), e captados mais 11 litros por segundo de água em dois poços profundos.

Mesmo não havendo previsão de escassez hídrica, a Copasa pede a colaboração da população e lembra que o uso consciente da água é importante em qualquer estação do ano.

PUBLICIDADE

Em nota ao Pohoje a Companhia destaca que atitudes simples da população podem contribuir com a economia, como lavar o carro com balde de água no lugar da mangueira; deixar a torneira fechada enquanto escova os dentes; tomar banhos rápidos; molhar plantas com regador e não lavar o passeio com água tratada fazem muita diferença. Vejam mais dicas de economia de água no site: https://bit.ly/1VzLFHR.

A Companhia presa pelo uso consciente da água também por meio das campanhas publicitárias nas mídias, no portal da empresa, www.copasa.com.br, e nas redes sociais, www.facebook.com/copasaoficial e instagram.com/copasamg/.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *