Encerrado primeiro dia do 2º Rally Minas Brasil em Presidente Olegário

Provas seguem neste domingo (17), trajeto é de 150 km
Carro de Marcos Bumgart e Kléber Cincea primeiros lugar no primeiro dia (Foto: Don Castilho)
Carro de Marcos Bumgart e Kléber Cincea primeiros lugar no primeiro dia (Foto: Don Castilho)

O primeiro dia do 2º Rally Minas Brasil, foi encerrado neste sábado (16), a largada aconteceu na região da Tiririca, área rural do município de Presidente Olegário.

O grid foi formado por 107 veículos de pelo menos onze estados brasileiros, entre motos, quadriciclos, UTVs e carros. O evento acontece nos municípios de Presidente Olegário (local das provas) e Patos de Minas onde fica localizado o parque de apoio no Centro de Convenções Unipam.

Neste primeiro dia de Rally Minas Brasil os melhores tempos foram contabilizados para os pilotos Alexandre Farias (Motos – com 02min48seg), Richard Amaral (Quadriciclos – com 3min03seg), Cristiano Batista (UTV – com 02min25seg) e Luiz Facco e Idali Bosse (Carros – com 02min45seg).

Com sinal verde para acelerar os competidores, entre trilhas abertas e fechadas, terrenos lisos e batidos, e aceleraram por caminhos que mesclaram muitas pedras, erosões, trial, lombadas, travessia de rio, areia, trechos de serras, com poeira, calor e barro; e, para dar ainda mais emoção, curvas nas quais os pilotos puderam abusar das técnicas de pêndulo.

O roteiro saiu da área rural de Presidente Olegário, passando pelas regiões de Tiririca, do Facão, da Bananeira, do Pé do Morro, do Cruzeiro da Prata, Chapadão do São Pedro, Boa Vista, do Piçarrão, Vargem Grande e da Lobeira.

Contabilizando os primeiros pontos 

Nas motos, o melhor competidor foi Rafael Espindola que, pela primeira vez, acelerou uma Kawasaki KLX 450 R e fez a marca de 2h15min.

A categoria Quadriciclos está sendo representada por apenas dois pilotos, sendo Geison Belmont, que fez o melhor tempo da etapa (02h32min19s) e Richard Amaral, que teve problemas mecânicos e não completou a especial.

Na categoria UTV, mais uma vez, a disputa entre os UTVs foi pra lá de acirrada e, apenas 21 segundos separaram Bruno Varela (02h08min05seg) de Maurício Pena Rocha (02h08min27seg). “

Nos carros, com o tempo de 02h06min27seg, Marcos Baumgart e Kléber Cincea – da X Rally Team – fizeram o primeiro lugar do dia, com uma vantagem de 01min06seg para Luiz Facco e Idali Bosse (02h07min34seg).

O 2º Rally Minas Brasil tem sequência neste domingo, com a largada da primeira moto às 8h. Serão mais 150 quilômetros, percorrendo a mesma especial deste sábado (16).

Interdição das Estradas.

O trajeto marcado com pontos amarelos (foto) é por onde passa os veículos fica interditado durante a prova. O percurso interditado passa pela Tiririca, Facão, Bananeira, Pé do Morro, Venda do Altino sentido/Chapadão de São Pedro, Piçarrão, Boa vista, Vargem Grande e Lobeira.

De acordo com a organização todo o trajeto está sinalizado e os produtores rurais das localidades foram avisados da interdição neste domingo entre 8h e 12h. A Polícia Militar de Minas Gerais – PMMG- auxilia a organização. Todo o trajeto possui equipes de resgate.

O 2º Rally Minas Brasil é realizado pela Rallymakers, conta com apoio logístico das prefeituras de Presidente Olegário e Patos de Minas.

Colaboraram  os jornalistas: Isis Morety/Liberdade de Ideias/Juarez Martins/Pohoje.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também

POHoje - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por KAMP