Com risco de queda, Bombeiros cortam  árvore na Escola E. Farnese Maciel

Alunos, funcionários da Escola Escola Farnese Maciel, motoristas e pedestres que passam pela Praça Independência, onde fica localizada a escola em Presidente Olegário estavam preocupados com a situação do pé de cedro, plantado há pelo menos 86 anos, devido ao risco de queda.

A direção da escola solicitou Conselho Municipal de Conservação e Defesa do Meio Ambiente – Codema – autorização para o corte da árvore devido ao risco de queda, o cedro foi plantado no ano de inauguração da escola em 1933.

Foi solicitado uma análise dos órgãos ambientais e após o diagnóstico fitossanitário, que é a principal ferramenta de análise de risco de queda de árvores, e o resultado foi que o cedro estava comprometido e poderia cair.

Nesta quarta-feira (27), o Corpo de Bombeiros auxiliados por um caminhão munk, começou o corte do cedro plantado há pelo 86 anos, o trabalho de corte deve durar entre 4 e 5h.

A direção da escola, disse ao Pohoje que a madeira será reaproveitada na própria escola na fabricação de moveis.

3 comentários em “Com risco de queda, Bombeiros cortam  árvore na Escola E. Farnese Maciel

  1. Parabéns a direção da escola que se preocupou com o risco da queda, pque se não cortasse e caísse encima de uma criança a população iria cair matando encima da escola, prefeitura e tudo quanto e um pra por a culpa.

  2. Parabéns a Diretora pela iniciativa, que não mediu esforços para cuidar do grande perigo que as crianças, funcionários e até mesmo pessoas que passam pela calçada da rua estavam sujeitos.
    Quanto á reforma que muitos questionam não depende apenas da equipe escolar, mas de um série de fatores que vem do Governo como verbas…etc.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *