Após denúncia, homem é preso pela Polícia Militar com espingarda em propriedade rural

A namorada fez a denúncia de agressão e ameaça, mas depois negou. Ele pagou fiança de R$ 5 mil e foi liberado.

Um homem, de 47 anos, foi preso após ser flagrado com arma de fogo e apetrechos para recarregar cartuchos em uma propriedade rural no município de Presidente Olegário, neste domingo (18).

De acordo com a ocorrência policial, registrada pela Polícia Militar do 5º Pelotão PM, a equipe atendeu uma ligação, onde a pessoa se identificou e disse que seu namorado havia lhe agredido e ameaçado de morte; relatando ainda que o mesmo possuía uma arma de fogo e munições, informando o local que estaria escondida.

Os militares deslocaram até a propriedade rural e foram recebidos pelo suspeito que negou que havia ocorrido qualquer agressão contra sua namorada, franqueando a entrada dos policiais na casa e confirmou que possuía uma espingarda, que foi herdada de seu pai há vários anos. 

Dentro da casa os policiais localizaram uma espingarda polveira atrás de um guarda-roupa e uma sacola contendo 1 frasco com espoletas, 2 frascos de pólvora, 1 frasco com chumbo e três unidades de fumaça veloz para rituais, que estava guardado em uma caixa em outro quarto. 

Ainda de acordo com a ocorrência policial, os militares fizeram contato novamente via telefone com a namorada do acusado, sendo que a mesma negou que havia sido agredida por ele e negou que havia feito a denúncia.

O homem foi preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo e encaminhado à delegacia da Polícia Civil de Plantão juntamente com o material apreendido. 

Em nota, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), informou que o suspeito, de 47 anos, foi conduzido e ouvido por meio da Central Estadual do Plantão Digital. Ele foi autuado pela posse ilegal de arma de fogo, mas liberado após pagamento de fiança no valor de R$ 5 mil. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

POHoje - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por KAMP