Justiça concede liberdade a um dos acusados de matar aposentado de 87 anos para roubar em Lagoa Grande

O suspeito foi preso pela PM (foto: Aislan Henrique)

A Justiça concedeu nesta quarta-feira (1º) liberdade a um dos acusados presos pela morte do aposentado Aníbal Itagiba Gonçalves, 87 anos, no dia 16 de fevereiro de 2021, asfixiado em Lagoa Grande, Noroeste de Minas. O outro acusado de 24 anos, continua preso na penitenciária de Carmo do Paranaíba 

O juiz Dr. Manoel Carlos de Gouveia Soares Neto, da Vara Criminal da Comarca de Presidente Olegário revogou a prisão preventiva em desfavor de um dos acusados de latrocínio (roubo seguido de morte) de 21 anos, O alvará de soltura já foi expedido e o suspeito solto da penitenciária de Carmo do Paranaíba. 

De acordo com a decisão judicial, não há como manter a prisão preventiva, já que, durante audiência de instrução de julgamento, o acusado de 24 anos indagado sobre o crime,) relatou que teria cometido o delito sozinho, sem ajuda de terceiros e que inclusive nem conhecia o acusado de 21 anos, o que entretanto não restou confirmado em juízo a participação do acusado de 21 anos.

Ainda segundo o decisão do magistrado, o acusado de 21 anos, quando qualificado e interrogado nesta mesma audiência, negou os fatos que lhe teriam sido imputados. “A manutenção da prisão preventiva do denunciado se revela, no presente momento, medida desproporcional, se lhe sendo possível substituição da prisão preventiva por cautelares diversa de prisão” escreveu o magistrado na decisão.

--- Continua depois da publicidade ---

O Pohoje procurou o Ministério Público (MP), mas até o fechamento da reportagem o MP não havia manifestado sobre o caso.

O crime

O crime aconteceu na Rua Getúlio Vargas, bairro Planalto na cidade do leite. Vizinhos acionaram a PM, após ouvir gritos. No local, os miliares encontraram Aníbal Itagiba Gonçalves, 87 anos, natural de Presidente Olegário/MG, já sem vida. A princípio nada foi levado da vítima.

A Polícia Militar (PM) de Lagoa Grande prendeu nesta terça-feira (16), dois suspeitos de latrocínio (roubo seguido de morte). A vítima era um idoso, que tinha 87 anos, e a suspeita que foi morto asfixiado.

De acordo com a ocorrência policial, a casa do idoso estava revirada, e o corpo do Sr. Aníbal,  quem tem embolia pulmonar e respirava com ajuda de oxigênio; já estava sem vida. A PM isolou o local para perícia técnica da Polícia Civil (PC).

Após o trabalho de praxe o corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal – IML – de Patos de Minas, para necropsia e posteriormente liberado para o sepultamento. 

Os militares iniciaram rastreamento no intuito de localizar o (s) suspeito (s). Um suspeito de 24 anos, natural de Vazante/MG foi preso embaixo de uma cama, em uma residência. O segundo suspeito, de 21 anos, natural de Sete Lagoas/MG, fugiu e foi localizado e preso próximo ao Posto Tampinha na BR 040.

2 comentários em “Justiça concede liberdade a um dos acusados de matar aposentado de 87 anos para roubar em Lagoa Grande

  1. Esse juiz de Po é uma vergonha. Ele acredita em tudo que um bandido diz. Tal magistrado não tem condições nenhuma de exercer a magistratura. Juiz irresponsável. Cadê a promotoria para insurgir perante essa decisão exdruxula? Parece que o Promotor “acoita” as decisões desse juiz. É o que todos falam. Nem pra juiz de futebol esse Dr. Manoel serve. Advogados, policiais, serventuários, todos reclamam de sua omissão e benevolência com criminosos.

  2. eu jamais posso dizer , que a justica e falha , mas diante das circunstâncias do fato de latrocínio seguido de morte,dois jovens drogados e todos sa em que eles estavam juntos e pra salvar a pele do mais novo o meliante mais velho assumiu a culpa para livrar a pele do meliante mais novo.
    Savendo eu que conheço a vitima que e meu primo e meu ex sogro um so nao conseguia segura e sufocar esse senhor pois era homem sadio e tinha forca.onde esta a escola que formou este promutor de justica?
    onde esta a nossa justica?
    devemos fazer justiça com as próprias mãos como nos mordios antigo?
    por isso ainda penso que o Presidente Bolsonario esta certo nao compre comida compra fuziveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cofe